Category Archives: Dinâmicas

Cuidando de seu gelo

gelo
Material: Uma pedra de gelo para cada participante. O gelo deve ser desenformado antes de iniciar a brincadeira para que não haja perda de tempo.

Desenrolar da brincadeira: O líder ou facilitador deverá colocar uma pedra de gelo na mão de cada pessoa do grupo, antes, porém, irá alertar: Assim que pegar o gelo vocês deverão estudá-lo para encontrar a melhor maneira de cuidar dele. Vocês não podem devolver o gelo ao refrigerador e nem jogá-lo ao chão.

Deve ser dado 2 minutos para que eles resolvam o problema.

As pessoas se sentirão incomodadas com a água pingando e provavelmente perderão o foco ficando sem saber o que deve ser feito; muitos poderão tentar imediatamente livrar-se de seu dever e se desfazer do gelo, outros se sentirão impulsionados a levar o gelo à boca para livrar-se da água e haverá os que reclamarão da dor que o gelo causa ao ser segurado, porém devem ser todos incentivados a permanecerem com o gelo pelo tempo determinado ou até encontrar uma solução satisfatória.

Objetivos: Com esse quebra gelo pode-se transmitir duas preciosas lições:

    1. Passado os dois minutos o líder deve recolher todas as pedras de gelo em um mesmo recipiente, fazendo com que fiquem juntas e ensinar:
    -A melhor forma de conservar o gelo e fazer com que todas as pedras fiquem juntas, conservando umas as outras o máximo de tempo possível. Da mesma forma somos nós, como um grupo. Somente seremos fortes se nos mantivermos unidos cuidando e apoiando uns aos outros quanto mais tempo pudermos.

    2. O líder agora compara a pedra de gelo a uma pessoa que chega ao grupo se ‘’derretendo” em busca de apoio e solução.
    Então pergunta:
    - É como acabamos de lidar com a pedra de gelo que devemos agir com uma nova pessoa que chega em nosso grupo?

    Depois o líder começa a citar o comportamento que observou cada um ter com gelo e questionar de acordo com a atitude que aquela pessoa demonstrou: “João você tentou se livrar dela”, “Maria você tentou passar ela para outro cuidar”; “Nelson você tentou devora-la”; “Carlos você reclamou do desconforto que ela proporcionou”…etc.

Ao fim todos se divertirão e aprenderão uma preciosa lição que, com certeza, trará grandes benefícios ao grupo.

Esta dinâmica foi desenvolvida pela redação do site Oleoprecioso e é destinada apenas para uso em grupo. Qualquer tipo de publicação ou reprodução por quaisquer meios fica proibida.


Ursino carinhoso

urso
Material:
Uma boneca ou ursinho de pelúcia.

Desenrolar da dinâmica:
O ursinho ou boneca deverá passar de mão em mão. Cada pessoa ao pegá-lo deverá fazer algo com ele. pode ser: um tapinha, um carinho ou qualquer outra coisa que a pessoa quiser fazer. Terminada a primeira parte o líder ou facilitador dirá: Aquilo que você fez com o ursinho, agora você fará novamente, só que com o irmão que está ao seu lado. Todos se surpreenderão, reclamarão da sequência, mas cumprirão a tarefa com muita alegria.

Propósito: promover a empatia, derrubar barreiras nos relacionamentos e facilitar a interatividade.


Dinâmica de quebra gelo – Vendendo dinheiro

2-reais
Material:

1 cédula de 2 Reias

Desenrolar do quebra gelo

O líder ou facilitador irá apresentar a cédula ao grupo orientando que cada um apresente argumentos para vender a cédula de 2 Reias pelo dobro do valor, ou seja, R$ 4,OO.

Para vender a cédula o participante deverá estar com ela em mãos, portanto a cédula deverá percorrer a todos os vendedores, que por sua vez devem usar seus argumentos e depois voltar para o líder ou facilitador. Normalmente algumas pessoas poderão achar impossível que essa venda seja feita e outras mais animadas podem até apresentar um argumento ou outro tentando vender a nota.

Quando a cédula voltar para o líder ou facilitador ele irá apresentar as seguintes explicações a respeito dela:

Ela tem um número de série que nenhuma outra tem, portanto, ela é única. O que comprar a cédula será o único que a terá no mundo inteiro, pois não existe outra igual.

Ela pode se sujar, amassar e ser pisada que nunca perderá o valor. É a cédula mais santa que existe, pois é a mais usada para oferta nas igrejas.

Com ela você pode matar a fome de uma criança.

Ela é a cédula que mais se parece com a de 100 Reais.

E concluir dizendo que se alguém tiver o conhecimento necessário, poderá vender uma nota de R$ 2,00  por R$ 4,00. Dá mesma forma, jamais poderemos levar Cristo para as pessoas se não soubermos expressar todo o valor que ele tem para nós.

Propósito: Fazer com que as pessoas reflitam sobre a necessidade e a urgência do evangelismo.


Dinâmica de quebra gelo: Um presente ou remédio?

Número máximo de participantes: 10 pessoas

Material: Copos descartáveis de 100 ml, uma jarra cheia de suco ou refrigerante gelado e uma garrafa térmica com chá de qualquer planta, desde que não seja chá medicinal. Sugestão: poder ser chá de Camomila, Erva Matte, Canela etc. É muito importante que o suco e a quantidade de chá sejam suficientes para servir os copos de todos os participantes.

Desenrolar da dinâmica:
O líder o facilitador primeiramente deverá explicar a todos que cada um irá servir em apenas um dos copos de cada pessoa aquilo que achar que ela merece pelo seu comportamento e colaboração junto ao grupo. Se o que irá servir achar que a pessoa dona do copo merece um brinde ela servirá uma pequena quantidade de suco em um de seus copos, se achar que essa pessoa precisa melhorar ela servirá um pouquinho de remédio (chá). Lembrando que um dos copos de cada participante será destinado para suco e outro para chá e que a quantidade servida por cada participante deve ser pequena para que todos possam colocar aquilo que achar justo. Nenhuma pessoa deverá servir seu próprio copo.

Quando todos participarem deve se observar os volumes dos copos. Se o copo de refrigerante ou suco do participante estiver mais cheio é porque  ele merece um brinde, se estiver mais cheio o de chá é porque essa pessoa merece remédio.

Separa-se todos que precisam de  remédio em um só grupo e eles devem tomar todo chá à frente de todos que deverão aplaudir pela perspectiva da cura. Depois separa-se os que merecem brinde em outro grupo para brindar o bom desempenho que apresentam no grupo. Esse grupo também deve receber aplausos.

Propósito: levar o grupo ou célula à reflexão sobre o papel e o desempenho de cada um no grupo e revelar que cada pessoa pode ser curada e assim produzir muito mais pelo crescimento do grupo.

Cuidados: Essa dinâmica não deve ser aplicada á grupos muito novos onde as pessoas ainda se encontrem em fase de adaptação. Ela somente é aconselhável para grupos que já apresentem relacionamentos mas sólidos. No momento de servir o líquido ou chá deve se limitar apenas a servir o líquido indicado sem mencionar falha ou defeitos dos participantes. Isso evita que pessoas fiquem magoadas ou constrangidas.

Por: Adeneir Sousa


Dinâmica de quebra gelo: e se hoje fosse seu último dia de vida?

Esta dinâmica é muito fácil e pode trazer resultados extraordinários na vida das pessoas

Material:
Uma lanterna ou uma vela.

Desenrolar da dinâmica:
O líder deve preparar antecipadamente a lanterna ou a vela. Toda luz do ambiente deve ser apagada no momento da dinâmica e as pessoas devem permanecer assentadas em círculo. É necessário também que todos estejam em silêncio.

A vela ou a lanterna deve ser passada de forma que a pessoa ilumine apenas o próprio rosto e responda seguinte pergunta:

O que você faria se descobrisse que tem apenas 2 dias de vida?

A maioria das pessoas certamente responderão que querem ter um conserto com Deus ou estar mais perto das pessoas que ama. O líder deve complementar que não temos que esperar o dia da morte para fazer as coisas que devem ser feitas imediatamente.

Propósito:
Levar as pessoas a reflexão sobre o que elas têm feito com seu tempo.

Cuidados:
Se optar por usar uma vela acesa não permita a participação nem aproximação de crianças.